PUBLICIDADE

Topo

Mindfulness Para o Dia a Dia

Mindfulness é a mesma coisa que meditação?

Marcelo Demarzo

31/10/2017 04h00

Não necessariamente. Mindfulness é um estado da mente humana que já foi descrito por todas as tradições filosóficas, além de medicina e psicologia. Na verdade, ela está presente e é potencialmente acessível a qualquer ser humano, em todos os momentos do dia. Mas saiba que algumas pessoas têm mais facilidade para entrar no estado de mindfulness.

Pesquisas mostram que aproximadamente 30% da capacidade de acessar mindfulness no dia a dia tem influência genética. Ou seja: depende de nossos pais. A boa notícia é que os outros 70% dessa capacidade podem ser adquiridas por meio de treino e práticas específicas, como a meditação.

Assim, a meditação é uma das técnicas para se acessar e treinar o estado mental de mindfulness, sendo, inclusive, a mais utilizada. Contudo, nem todos os tipos de meditação estão associados ao desenvolvimento de mindfulness. As técnicas meditativas mais usadas para treiná-lo são as que usam exercícios atencionais (treinamento da atenção), sendo a mais clássica a que usamos a própria respiração para o treino da atenção plena — chamada de mindfulness da respiração.

Mundo amplo

As práticas de mindfulness são baseadas em algumas técnicas meditativas, em especial naquelas praticadas no Zen-budismo ou na tradição Vipassana, além de alguns exercícios mais simples de Hatha Yoga relacionados ao Hinduismo. Entretanto, o mundo da meditação é muito mais amplo do que as práticas de mindfulness, podendo incluir ainda diversos exercícios de cunho espiritual, que não fazem parte dos programas contemporâneos e laicos da prática.

Contudo, saiba que  níveis elevados de mindfulness podem ser atingidos mesmo sem nenhuma técnica especifica de meditação. Um exemplo são as pesquisas mostrando que, ao praticarmos exercícios físicos ou esportes com atenção plena, também desenvolvemos mindfulness.

Infelizmente, não é habitual para a maioria das pessoas fazer exercícios físicos com atenção plena. O mais comum é praticar seu treino fazendo outras tarefas –como ouvir música, ver TV, ler jornal, ou tudo ao mesmo tempo. Dessa forma, acabamos não aproveitando a atividade física como prática de atenção plena, e deixamos de ampliar seus benefícios.

Assim, a dica é: na próxima vez que praticar exercícios físicos, esteja atento e presente nas sensações do próprio corpo, evitando distrações desnecessárias praticando ao mesmo tempo mindfulness. No próximo post apresentarei uma prática de mindfulness, para que você possa começar a incorporar a técnica no seu dia a dia. Até lá!

Para saber mais

www.mindfulnessbrasil.com (Mente Aberta – Centro Brasileiro de Mindfulness e Promoção da Saúde – UNIFESP)

www.goamra.org (American Mindfulness Research Association, Estados Unidos, informações em inglês)

www.umassmed.edu/cfm (Centro de Meditação "Mindfulness" na Medicina, Universidade de Massachusetts, Estados Unidos, informações em inglês)

Nota do blogueiro: estou usando aqui propositalmente a palavra "meditação" como sinônimo de prática ou técnica meditativa, pois fica mais claro o argumento ao leitor. Se consideramos o termo "meditação" como manter uma mente contemplativa em tudo que fazemos, então mindfulness poderia ser considerado um conceito mais próximo ao de meditação.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Marcelo Demarzo é médico especialista em mindfulness (atenção plena), professor e pesquisador na área de medicina, saúde e bem-estar. Ministra cursos e palestras sobre estilo de vida mindful, bem-estar e saúde --expertise desenvolvida em 15 anos como professor e pesquisador em vários hospitais e universidades brasileiras (UNIFESP, USP, Hospital Israelita Albert Einstein) e internacionais (Universidade de Oxford, Universidade de Zaragoza, Harvard University). É autor de livros e estudos científicos relacionados ao tema de mindfulness e qualidade de vida e realiza dezenas de atendimentos individuais e em grupo para disseminar o conceito de mindful living (viver pleno e consciente). É coordenador da Especialização em Mindfulness da UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo).

Sobre o blog

Dicas e reportagens sobre saúde e qualidade de vida, com foco em mindfulness e bem-estar. Um espaço interativo para conversarmos sobre como desenvolver um estilo de vida mais mindful (pleno e consciente), que irá ajudá-lo a lidar melhor com o estresse, algo tão comum na nossa vida atual.